quinta-feira, 2 de abril de 2009

AdV2k9 IX - Altimetria

Curto e grosso, porque ontem dormi só duas horas e hoje pelo jeito não vou dormir mais que cinco...

Altimetria do Audax do Vale

Cliquem na imagem para poder ler alguma coisa :-p

[Altimetria]

--

10:00:00

Agora sim, com mais calma, posso comentar os dados acima.

A parte inicial e a final (em verde) e os últimos 478m antes do PC3 foram mapeadas domingo passado, 29 de março, quando fomos dar uma treinadinha. Usamos um GPS eTrex Legend, da Garmin. Não é o modelo mais simples, mas também não tem alguns recursos interessantes dos mais avançados, como altímetro barométrico. O altímetro dele é eletrônico, a altitude é calculada da mesma forma que a posição: por triangulação. O resultado é bastante impreciso. No caso desse modelo de GPS a precisão no mapeamaento nunca é melhor que 6m.

Já os 19,942km repetidos próximo ao PC3, antes dos 478m mapeados domingo, também em verde perto do centro da altimetria, foram mapeados pelo Ney, em 2006. Foi daquele mapeamento original que começou toda essa história de GTM, KML e altimetria. É uma altimetria muito mais precisa que a das pontas do trajeto, pois o altímetro do GPS dele é barométrico.

E por que essas pontas não foram mapeadas já em 2006? Simplesmente porque ainda não se tinha idéia exata de onde largar a prova e até onde levá-la :-) Foi antes da primeira edição do Audax do Vale, e o Kieling, nosso eterno organizador, ainda era pica-pau também nisso :-p

--

12:52:00

Tem gente que olha para o gráfico acima e quase enfarta na cadeira mesmo...

Não esqueçam que a escala da altitude (eixo vertical) não está NEM PERTO da escala da distância (eixo horizontal). O Audax do Vale é sim, uma prova bastante plana. Vejam que a maior altitude da prova é 132,8m e a menor, 19,4. Isso daria um desnível máximo de 113,4m. Uma miséria! Experimentem pedalar em Caxias ou em Campos do Jordão, SP... :-p Temos umas 3 subidas mais fortes e cada uma com menos desnível que esses 113,4m na prova inteira.

Como foi colocado no post da 3ª Parte do Tour Aéreo, a pior coisa que se pode fazer é pensar nas subidas, em detrimento da paisagem legal que vai estar ao redor.

3 comentários:

2 de abr de 2009 09:29:00
Jorge Maciel disse...

Não sei bem porque, mas estes gráficos de altimetria me causam angústia...

2 de abr de 2009 17:19:00
artur disse...

oi pesso@l

olha, estou embasbacado com a quantidade de trabalho, capricho, e tecnologia que vocês estão pondo neste evento


mas... será que daria para disponibilizar a carta de rota de uma vez?


estou com pouco tempo disponível, não tenho como aprender a usar o GE, ficar baixando arquivos, vendo vídeos etc - mas gostaria muito de estudar os pontos-chave do trajeto com antecedência, pois sou bastante propenso a me perder quando estou na estrada!


além disso, na hora da prova o que a gente vai usar é o papel, e não o meio eletrônico (salvo os usuários de GPS, que são minoria, creio); e aí uma boa dica (tipo "borracharia à direita" p.ex.) vale mais do que imagens aéreas - até porque o brevet é no chão :^)


obrigado pela compreensão


[ ] e até breve


a.
___________

3 de abr de 2009 11:00:00
JorgeOK disse...

Aaaah Caxias nem tem muito desnível. Vocês estão mal acostumados. hehehehe
Abraços.
JorgeOK

Postar um comentário