sábado, 23 de fevereiro de 2008

O Lanterna Vermelha

Para quem não sabe o título de Lanterne Rouge (Lanterna Vermelha) é atribuído ao último ciclista a completar o Tour de France. Esse ano tivemos um bi-campeão, essa duvidosa honraria foi dada a Wim Vansevenant ciclista belga da equipe Predictor-Lotto.

Nas provas de Audax quase da briga para ver quem chega em último, pois o espírito da prova é outro. Temos alguns ciclistas, notadamente os atletas da turma do fundão, que encerraram e certamente continuaram encerrando muitas de nossas provas. Os mais "famosos" são o Luiz Roberto Velho Lazzary, que completou o PBP2007 e o Rubens Terres. O Rubens chega a ser chato com a sua disposição em ajudar o pessoal que fecha a fila. Me lembro do Audax 400 de 2006, depois de furar 4 pneus eu estava parado à beira da estrada desanimado, furioso com o mundo até a chegada da turma do fundão. Para não brigar com o Rubens, que não saía do meu lado insistindo para que eu continuasse na prova, acabei indo com essa turma por mais de 50 km.

Em Lajeado 2007, os lanternas vermelhas já eram conhecidos antes da prova acontecer, pois o Marcelo Dotto e o Paulo Bagatini se prontificaram a acompanhar os últimos participantes da prova até a bandeirada final. Como eles estavam inscritos puderam dar todo o apoio a quem estava pedalando.

Em 2 semanas teremos prova em SCS, e certamente o troféu lanterna vermelha será mais uma vez alvo de muitos dos ciclistas que fecham a prova.

Esse post foi baseado num artigo do ótimo Magliarosa blog do Marcelo Guazzeli, organizador do Audax Caxias em 2008.

1 comentários:

25 de fev de 2008 12:22:00
Fabio Lazzarotto disse...

A parte mais divertida de qualquer Audax é ficar pedalando com os amigos, ajudando aos outros e é isso que estas pessoas se dedicam a fazer. Já acompanhei eles em algumas provas e pretendo repetir sempre que possível. O problema é o coração de quem está esperando:"Será que vão chegar a tempo??"

Postar um comentário